fbpx
<> Anuncie Aqui <>
- Advertisment -
Inicio Ciência Cientistas criam velcro que não faz barulho

Cientistas criam velcro que não faz barulho

-

O velcro é ótimo quando você precisa abrir coisas com rapidez ou facilidade, mas em questão de barulho ele não é dos mais discretos. Agora, pesquisadores da Universidade de Wageningen, na Holanda, podem ter encontrado uma solução para eliminar o ruído estrondoso causado pelo contato do material. Para isso, os cientistas criaram um novo design, inspirado nos cogumelos, que não rasga os tecidos e é muito mais silencioso.

Velcro é o termo oficial da marca registrada para o sistema de fixação que usa ganchos minúsculos e laços flexíveis para unir com segurança duas superfícies quando são pressionadas uma contra a outra. O material foi inventado por George de Mestral em 1941, após pesquisas usando rebarbas que grudavam em suas roupas durante uma caminhada na floresta. Genericamente, a técnica é conhecida como fechos de velcro e, embora seja conveniente, também tem suas desvantagens. Essas pequenas presilhas de plástico podem se prender facilmente a tecidos menos duráveis, danificando o material quando separadas. Também não é tão silenciosa quanto zíperes ou botões na hora de abrir ou descolar uma peça.

Ao longo dos anos, foram feitas variações na “tecnologia” do gancho e laço. Contudo, para garantir uma fixação mais forte, os próprios ganchos sempre foram feitos de um plástico rígido que é também o que causa todo o ruído. Foi nisso que a equipe de pesquisa da Universidade de Wageningen concentrou seus esforços.

Em um artigo publicado recentemente na revista Biointerphases, os pesquisadores explicam como a impressão 3D foi usada para desenvolver moldes para criar superfícies flexíveis cobertas por minúsculas estruturas inspiradas em cogumelos – uma meia esfera presa a uma haste.

As “cabeças” do novo design lembram um cogumelo e possuem maior aderência às superfícies, sem provocar o ruído característico de descolagem do velcro. Imagem: Biointerphases

O redesenho oferece tanta aderência quanto os fechos de velcro tradicionais, mas se afasta de diferentes tipos de tecidos delicados sem causar nenhum dano no processo. As minúsculas estruturas em forma de cogumelo também são feitas de um plástico que é mais flexível do que o design de gancho tradicional, o que significa que o rasgo ensurdecedor provocado quando duas superfícies são separadas fica consideravelmente mais abafado. Isso também permite que o sistema de fixação redesenhado possa ser usado em aplicações que antes não eram compatíveis, como o uso militar, onde o silêncio é muitas vezes considerado crítico.

Enquanto o velcro original foi inspirado pela Mãe Natureza, este novo prendedor semelhante a um cogumelo poderia facilitar o desenvolvimento de robôs com textura macia e inspirados em animais que podem andar em paredes ou tetos, ou criaturas com tentáculos robóticos flexíveis que poderiam aderir a várias superfícies ou agarrar itens sem nunca causar danos no processo.

Os pesquisadores não estão totalmente prontos para comercializar essa nova versão do velcro, porém acreditam que mais experimentos com o novo formato podem render um fixador ainda mais forte para ser usado futuramente em diversos objetos. Isso, claro, sem o barulho inconveniente causado pelo velcro atual.

Últimos Posts

- Advertisement -

Diesel avança pela 6ª semana nos postos do Brasil; gasolina e etanol também sobem

Cotação média do diesel nas bombas atingiu...

Exportação de carne bovina do Brasil recua 6% no 1º bimestre

Maior compradora de carne bovina do Brasil,...

Leitura Obrigatoria

Liderado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), um consórcio...
Os principais estudiosos do clima estão enlouquecendo por conta...
A empresa aeroespacial Orbital Assembly Corporation (OAC) revelou recentemente...
Quem está acostumado a sair no horário do almoço...
- Advertisement -
- Advertisement -

Você também pode gostar dissoRelacionado
Recomendado para você