5 dicas preciosas sobre o game “Stray”

gizmodo 1 semana atrás
Atualizada 2022/08/05 at 8:13 AM

“Stray” chegou em julho e está fazendo um enorme sucesso na comunidade gamer. Muito disso se deve à originalidade e à ousadia dos desenvolvedores ao colocarem um gatinho fofinho como protagonista no jogo que se passa em um mundo cyberpunk.

A aventura mescla momentos de resolução de desafios para avançar de cenário, fugas frenéticas de hordas de drones hostis e exploração pelos belos cenários do game. Se você ficou interessado em jogar “Stray”, precisa de algumas pequenas dicas para ter uma boa experiência com o game.

Interação com NPCs

O mundo onde se passa “Stray” é completamente dominado por máquinas, sejam elas drones que querem te atacar ou uma enorme variedade de robôs humanoides. É possível derrubar uma lata para atrair um NPC (personagem não jogável) para fora de um estabelecimento para poder acessá-lo e pegar algum item que pode ser de grande valia para completar algum puzzle.

É possível miar para receber algum tipo de auxílio dos NPCs, podem ser algumas dicas valiosas como mostrar o caminho para ajudar o jogador naqueles momentos em que ele está empacado em alguma parte do mapa.

Interagir com o cenário

Ainda sobre interação com os elementos disponíveis no jogo, também há a possibilidade de utilizar o cenário a seu favor. É possível derrubar cortinas e encontrar passagens que outrora estavam escondidas ou arranhar uma porta para abri-la. É uma boa prática ter o hábito de explorar ao máximo os mapas para nada importante importante para progredir na história do jogo.

Buscar pistas para concluir missões

É necessário buscar por tudo o que pode progredir na história do jogo. Como em todo jogo de puzzles é necessário explorar ao máximo o cenário, olhar todos os elementos para poder encontrar algo que ajude a avançar na história, ainda mais levando em consideração que “Stray” instiga os jogadores a explorar tudo, já que não oferece recursos como mapas detalhados dos ambientes do game.

Evitar Zurks

Antes de entrar em um área infestada por Zurks, certifique-se de analisar bem e definir sua rota até o destino final para evitar ficar encurralado em algum local sem saída, o que certamente te fará reiniciar do último ponto salvo. Quando finalmente estiver pronto para enfrentar os drones procure correr em ziguezague e rotas não lineares para dificultar a ação dos adversários e não ser pego.

Conclua todos os puzzles e desafios antes de avançar

O “Stray” não impõe limitações do que o jogador pode ou não acessar, no entanto, é necessário prestar atenção no game para completar todos os desafios antes de avançar. Caso algum puzzle fique sem ser resolvido, o progresso do usuário será travado e ele precisará retornar para fazer o puzzle que faltou para poder acessar os próximos locais.

Assine a newsletter do Gizmodo

The post 5 dicas preciosas sobre o game “Stray” appeared first on Gizmodo Brasil.

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário