fbpx
- Advertisment -
Inicio Finanças 'Não queremos incentivos, queremos competividade', diz presidente da Anfavea

‘Não queremos incentivos, queremos competividade’, diz presidente da Anfavea

-

‘Não queremos subsídio, mas competitividade’, diz presidente da Anfavea

‘Não queremos subsídio, mas competitividade’, diz presidente da Anfavea

O presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Carlos Moraes, rebateu nesta quarta-feira (13) o presidente Jair Bolsonaro ao afirmar que o setor não busca mais incentivos fiscais e que a cobrança da entidade é para que o governo melhore a competividade do Brasil.

Na terça-feira (12), o presidente Jair Bolsonaro disse, ao comentar a decisão da Ford de encerrar a produção de veículos no Brasil, que faltou a empresa dizer a “verdade” sobre o motivo da saída. De acordo com Bolsonaro, a Ford queria subsídios do governo para continuar no país.

“Todas as propostas trazidas pela Anfavea, pelos executivos de montadoras foram propostas concretas buscando a redução do Custo Brasil”, disse Moraes. “Nós não queremos incentivos, nós queremos competividade.”

Segundo dados do Ministérios da Economia, os subsídios da União ao setor automotivo saltaram de R$ 1,8 bilhão, em 2003, para R$ 6,7 bilhões, em 2019, em valores atualizados pela inflação – uma alta de 272,2%. Ou seja, mais que triplicaram no período. Ao todo, nesses 17 anos, o governo federal concedeu R$ 62,6 bilhões em isenções fiscais.

Saída da Ford do Brasil reabre debate sobre benefícios fiscais

Saída da Ford do Brasil reabre debate sobre benefícios fiscais

Na segunda-feira (11), quando a Ford anunciou a decisão encerrar a produção no Brasil, a Anfavea optou por não comentar a postura da montadora, mas a entidade apontou o que a decisão da montadora “corrobora o que a entidade vem alertando há mais de um ano sobre a ociosidade local, global e a falta de medidas que reduzam o Custo Brasil.”

O chamado Custo Brasil abarca uma série de entraves da economia brasileira, como uma elevada burocracia para se fazer negócios no país e com uma alta carga tributária. Em 2019, o “Doing Business”, levantamento do Banco Mundial, apontou que o Brasil ocupava a 124º colocação no ranking da entidade que mede a facilidade para fazer negócios.

VÍDEOS: Últimas notícias de Economia

Últimos Posts

Super-ricos recuperam perdas econômicas provocadas pela pandemia, diz Oxfam

Os super-ricos já recuperam as perdas econômicas provocadas pela pandemia de coronavírus, de acordo com o...

Cerca de 500 funcionários da Airbus ficam em quarentena após o surto de Covid-19 em Hamburgo

Airbus A380, da Air France, decolando do aeroporto de...

Combustível de iodo pode reduzir lixo espacial com "suicídio de satélites"

Não conseguimos ver daqui, mas há muito lixo espacial na órbita...

EUA superam 25 milhões de casos de Covid-19, apontam dados da Johns Hopkins

Painel de monitoramento da Universidade Johns Hopkins em 24...
- Advertisement -

Seu Facebook deslogou sozinho? Rede diz que foi “mudança de configuração”

Usuários do Facebook relataram (em outras redes sociais, óbvio) que tinham sido deslogados da rede sem motivo aparente na...

Leitura Obrigatoria

- Advertisement -
- Advertisement -

Você também pode gostar dissoRelacionado
Recomendado para você