fbpx
<> Anuncie Aqui <>
- Advertisment -
Inicio Finanças Após quase 50 anos da inauguração, edifício-sede da Petrobras passa por primeira reforma completa

Após quase 50 anos da inauguração, edifício-sede da Petrobras passa por primeira reforma completa

-

1 de 3
Sede da Petrobras, localizada na Avenida Chile, no Centro do Rio de Janeiro, passará pela sua primeira reforma completa desde que foi inaugurado, no começo dos anos 1970 — Foto: André Motta de Souza / Agência Petrobras

Sede da Petrobras, localizada na Avenida Chile, no Centro do Rio de Janeiro, passará pela sua primeira reforma completa desde que foi inaugurado, no começo dos anos 1970 — Foto: André Motta de Souza / Agência Petrobras

Depois de quase 50 anos do início de suas atividades, o edifício-sede da Petrobras (Edise), localizado no Centro do Rio, passa por sua primeira reforma completa. O início das obras foi anunciado nesta terça-feira (19) pela estatal, que espera poder ampliar, em quase o dobro, a capacidade de ocupação do prédio.

De acordo com a Petrobras, a reforma visa a revitalização do edifício, com a implementação de medidas de sustentabilidade, de design inclusivo, além do modelo de smart-office, no qual a ocupação e a gestão dos escritórios é mais eficiente por meio de soluções tecnológicas como agendamento de salas de reunião e estações de trabalho por aplicativo.

“Os novos modelos de instalações promoverão o uso de tecnologia e reduzirão ociosidades, alinhando o edifício à estratégia da Petrobras de redução de custo, aumento contínuo da produtividade, e contribuindo para o processo de transformação digital e de cultura organizacional pelos quais a Petrobras vem passando”, destacou a companhia.

Com a reforma, o Edise passará a abrigar um número maior de funcionários. Atualmente, ele comporta até 5,8 mil empregados simultaneamente. A adoção do modelo smart-office, segundo a empresa, permitirá aumentar para 7 mil o número de posições de trabalho.

Todavia, o regime de teletrabalho implementado pela companhia de forma permanente permitirá que cerca de 11,5 mil funcionários sejam lotados na sede.

O teletrabalho permanente, anunciado em agosto do ano passado pela Petrobras, é direcionado para os funcionários do regime administrativo. O modelo tem adesão voluntária por parte dos empregados e limite de até três dias por semana.

Detalhes da reforma

Segundo a Petrobras, entre as melhorias previstas no projeto de revitalização do Edise estão “a criação de espaços colaborativos, de criação, experimentação e tecnologia, propiciando adoção de metodologias ágeis de trabalho”. No segundo pavimento do prédio, por exemplo, será instalada uma incubadora de startups, de forma a permitir maior integração dessas companhias com a Estatal.

2 de 3
Sede da Petrobras, localizada na Avenida Chile, no Centro do Rio de Janeiro, passará pela sua primeira reforma completa desde que foi inaugurado — Foto: Reuters/Sergio Moraes

Sede da Petrobras, localizada na Avenida Chile, no Centro do Rio de Janeiro, passará pela sua primeira reforma completa desde que foi inaugurado — Foto: Reuters/Sergio Moraes

A reforma prevê também prevê uma série de medidas para tornar o edifício mais sustentável, entre elas a implantação de um sistema de reaproveitamento de água da chuva para os jardins e torres de resfriamento, e a instalação de painéis energia solar no topo do prédio.

Outro destaque do projeto é o piso podotátil, que será aplicado nos novos espaços. Trata-se de piso diferenciado com textura e cor, para que seja perceptível às pessoas com deficiência visual. Também haverá placas de sinalização em Braile, entre outras melhorias, de forma a tornar o prédio mais inclusivo para pessoas com deficiência.

A previsão da Petrobras é que a primeira etapa da obra seja concluída no primeiro semestre de 2022. A partir dessa data, a obra seguirá com o prédio parcialmente ocupado, com estimativa de concluir toda a reforma o segundo semestre de 2023.

Marco da arquitetura nacional

O edifício-sede da Petrobras foi construído na Avenida Chile, no Centro do Rio, entre 1969 e 1974, tendo iniciado suas atividades um ano antes da conclusão da obra, em 1973. O projeto do prédio foi escolhido por meio de um concurso, em nível nacional, organizado pelo Instituto dos Arquitetos do Brasil.

3 de 3
Sede da Petrobras no Rio de Janeiro — Foto: Daniel Silveira/G1

Sede da Petrobras no Rio de Janeiro — Foto: Daniel Silveira/G1

Mais de 200 escritórios de construção civil participaram da disputa, que foi vencida pelo projeto liderado pelo arquiteto Roberto Luis Gandolfi. Arrojado e futurista, o prédio acabou se tornando um marco da arquitetura brasileira e símbolo da própria Petrobras.

Cinco anos depois a conclusão das obras, foi inaugurada, ao lado do Edise, a Catedral Metropolitana do Rio, tornando a região um dos cartões postais da cidade.

Assista às últimas notícias de Economia:

Últimos Posts

- Advertisement -

Exportações de soja do Brasil caem 40% em fevereiro com atraso na colheita

Soja — Foto: Divulgação/Agropecuária ...

Veja vagas de emprego abertas na região de Ribeirão Preto nesta segunda-feira (1º)

Confira as oportunidades de emprego em Ribeirão Preto e...

Leitura Obrigatoria

- Advertisement -
- Advertisement -

Você também pode gostar dissoRelacionado
Recomendado para você