Brasil Vacina da chinesa Sinopharm será testada em 3 mil voluntários na Argentina

Vacina da chinesa Sinopharm será testada em 3 mil voluntários na Argentina

-

- Advertisment -


Imunização já foi testada nos Emirados Árabes e na China; a farmacêutica é a mesma que firmou um acordo com o governo do Paraná para a testagem no Brasil. Funcionário testa amostras de possível vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela SinoPharm, em Pequim, na China, em foto de 11 de abril
Zhang Yuwei/Xinhua via AP Uma vacina experimental contra a Covid-19 da farmacêutica chinesa Sinopharm será testada em 3 mil voluntários na Argentina, anunciou o ministro da Saúde, Ginés González García, nesta sexta-feira (21). O ensaio clínico de fase 3 é o último antes de uma aprovação do imunizante.
Vacina da Sinopharm gerou anticorpos em fase inicial de testes em humanos
A Sinopharm está realizando um teste de estágio avançado da vacina em potencial nos Emirados Árabes Unidos, para o qual deve recrutar 15 mil pessoas, porque a China não tem casos novos suficientes para ser um local de testes útil.
A candidata a vacina, feita a partir do vírus inativado (veja mais abaixo), também será testada no Brasil em um acordo com o governo do Estado do Paraná.
Governo do PR e farmacêutica chinesa se preparam para testar no Brasil nova vacina
Infográfico mostra como funciona uma vacina de vírus inativado
Arte G1
Mais testes na Argentina
Há um mês, a Argentina anunciou que iniciaria os testes finais e do projeto de vacina desenvolvida pela empresa de biotecnologia alemã BioNTech em parceria com a farmacêutica norte-americana Pfizer.
Além disso, a Argentina fez um acordo com o México para produzir milhões de doses da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford com a empresa farmacêutica britânica AstraZeneca para distribuição na América Latina caso passe da fase 3.
Com 44 milhões de habitantes, a Argentina acumula até esta sexta-feira quase 321 mil casos de Covid-19 e mais de 6,5 mil mortes.
Mais de 160 vacinas em desenvolvimento
O novo coronavírus, que já matou mais de 750 mil pessoas em todo o mundo, desencadeou uma corrida para a criação de uma vacina. Mais de 160 candidatas estão sendo desenvolvidas e testadas globalmente.
A Rússia se tornou o primeiro país do mundo a conceder aprovação regulatória a uma vacina contra Covid-19 depois de menos de dois meses de testes em humanos, e outra desenvolvida pela chinesa CanSino Biologics foi liberada para uso nos militares.
A China está liderando o desenvolvimento de ao menos oito candidatas a vacina atualmente em estágios diferentes de testes clínicos.
Initial plugin text

Últimos Posts

Sistema Solar pode chegar ao fim antes do previsto

O Sistema Solar pode chegar ao fim antes do que se previa anteriormente. É o que sugere um novo...

James Wan, de Aquaman, está produzindo novo filme de Van Helsing

O cineasta James Wan está desenvolvendo, como produtor executivo, o novo filme de Van Helsing para a Universal Studios....

Black Friday Magalu despacha mais de 1 milhão de itens por dia

Mais de 1 milhão de itens despachados por dia. Esse é o recorde batido pelo Magazine Luiza, que, com...

Como hackers podem usar cientistas para criar genes perigosos

Em uma nova carta ao editor tirada da prestigiosa revista científica Nature, uma equipe de pesquisadores israelenses levanta uma...
- Advertisement -

Supernatural: quais são as melhores temporadas da série?

Analisando a história e a trajetória de Supernatural, ao longo de 15 temporadas o público acompanhou tramas extremamente interessantes....

Estes produtos de Metal Gear Solid farão qualquer um virar Snake

Em parceria com a companhia de moda japonesa Super Groupies, a Konami lançou uma linha de produtos e acessórios...

Leitura Obrigatoria

- Advertisement -
- Advertisement -

Você também pode gostar dissoRelacionado
Recomendado para você