Prefeitura de São Bernardo do Campo anuncia que construtora comprou fábrica da Ford; empresa diz que negocia

1 de 2
Fábrica da Ford em São Bernardo do Campo encerrou suas atividades — Foto: André Paixão/G1

Fábrica da Ford em São Bernardo do Campo encerrou suas atividades — Foto: André Paixão/G1

A prefeitura de São Bernardo do Campo anunciou que o prédio onde onde funcionou a fábrica da Ford, no bairro Taboão, na cidade do ABC Paulista, foi vendido por R$ 550 milhões nesta terça-feira (16), para a Construtora São José. A unidade foi fechada em outubro do ano passado, depois de 52 anos de funcionamento. A construtora afirmou que é potencial compradora (leia abaixo).

Segundo o prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando (PSDB), que participou da reunião com representantes da construtora, afirmou que a compradora da planta industrial “pretende instalar uma montadora no local e abrir nova cadeia de empregos no município”.

Em nota, a “Construtora São José é um dos potenciais compradores, porém, não temos nada para anunciar no momento. Forneceremos informações adicionais quando avançarmos para uma decisão final sobre a venda da planta de São Bernardo do Campo”.

Caso a possibilidade de não viabilizar a chegada de uma montadora no local, o projeto o de instalar uma empresa do setor logístico. De acordo com o plano diretor de São Bernardo do Campo, o espaço terá de ser utilizado para atividades industriais ou de logística.

O prefeito informou, em nota, que “desde o anúncio da saída Ford, que foi de maneira repentina, nós, da Prefeitura, buscamos por diversos mecanismos a preservação dos postos de trabalho. E, agora, com este negócio, ascende uma esperança para a geração de empregos, que terão o impacto muito positivo em toda a cidade e Estado.”

Antes do fechamento das portas da fábrica, a Ford havia anunciado em fevereiro do ano passado que encerraria a produção de caminhões na cidade. A unidade tinha cerca de 2,7 mil funcionários no anúncio de encerramento das atividades. A fábrica de São Bernardo foi adquirida pela Ford há 52 anos.

Histórico

Em janeiro, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que a Caoa havia desistido de comprar a fábrica da Ford em São Bernardo do Campo, fechada desde o final de outubro.

Segundo o governador, o grupo decidiu investir na implantação de uma nova fábrica de automóveis no Estado, que será anunciada ainda em 2020. Sobre o negócio da Ford, Doria disse que no momento outros dois possíveis compradores avaliam a unidade de São Bernardo.

“Nós não desistimos do tema da Ford ainda. Há um entendimento novo com dois fabricantes chineses, entendimentos que estão em curso. Não temos propagado até para que eles possam seguir com tranquilidade, sem a pressão do tempo”, afirmou Doria depois de participar de um evento na capital paulista.

Doria diz que a Caoa desistiu de comprar a fábrica da Ford

Related Articles

Stay Connected

21,933FãsCurtir
2,754SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Latest Articles