- Advertisment -
Inicio Brasil Lebrão causa prejuízo em plantações

Lebrão causa prejuízo em plantações

-

1 de 2
Espécie de lebre conhecida como ‘lebrão’ causa prejuízo em plantações — Foto: Reprodução/TV TEM

Espécie de lebre conhecida como ‘lebrão’ causa prejuízo em plantações — Foto: Reprodução/TV TEM

Adelino Machado já se acostumou a ver a plantação sendo alvo dos lebrões. Abóboras e melancias ficaram destruídas em um dos ataques mais recentes.

A lebre europeia conhecida como ‘lebrão’ ou coelho grande é uma espécie nativa da Europa. Ela foi levada para a Argentina e Chile para a caça esportiva e chegou ao Brasil nos anos 50 pela fronteira com o Uruguai.

O médico veterinário Sérgio Diniz Garcia, que é professor da Unesp de Araçatuba, explica que o lebrão não tem um predador natural aqui no Brasil. Entre as características do animal estão o comportamento noturno, o corpo alongado, a cabeça estreita e orelhas e patas maiores que as do coelho.

As lebres se reproduzem com facilidade tanto no inverno quanto no verão. A gestação dura em média 60 dias e cada uma pode gerar de 1 a 8 filhotes.

(Vídeo: veja a reportagem exibida no programa em 23/08/2020)

Lebrão causa prejuízo em plantações

Lebrão causa prejuízo em plantações

A presença das lebres também tem sido comum na horta de Odair Anteceni, em Cedral (SP). Elas deixam fezes em forma de ‘bolinhas’, bem parecidas com as de coelho. Uma diferença é que não têm tocas subterrâneas. Vivem em ninhos de grama achatada, gostam de pastagens e campos abertos. É só a luz cair que elas começam a sair em busca de alimento.

O tenente Emerson Mioransi, da Polícia Ambiental, lembra que, apesar de ser uma espécie exótica, a caça não é permitida. Para o produtor, a melhor saída seria afastar os lebrões com cachorros, sons altos ou cercando a área.

Foi o que fez Ismail Gallenari. Ele colocou tela em volta de toda a plantação e também reforçou a quantidade de cães no sítio. Foi a solução para evitar o aparecimento dos lebrões. Ele diz que os animais comiam uma variedade grande de alimentos, como vagem, brócolis, couve e alface.

2 de 2
Preço da grama sobe devido à estiagem — Foto: Reprodução/TV TEM

Preço da grama sobe devido à estiagem — Foto: Reprodução/TV TEM

Últimos Posts

INSS: o que muda nas regras para pedir aposentadoria e pensão em 2021

A reforma da previdência completou um ano em novembro de 2019 e trouxe uma série de...

Ações de farmacêuticas se valorizam com mercado de vacinas; veja o ranking

Profissional de saúde se prepara para aplicar a vacina...

Steam de Resident Evil Village indica que a Capcom está trabalhando em um componente multiplayer

Uma atualização na entrada do Steam Database de Resident Evil Village parece sugerir que o multiplayer provavelmente fará parte...

Ministro do TCU cobra Ministério da Saúde por falta de oxigênio em hospitais do Amazonas

O ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Benjamin Zymler cobrou do Ministério da Saúde,...
- Advertisement -

United Airlines tem prejuízo de US$ 1,9 bilhão no 4º trimestre de 2020

Avião da United Airlines no aeroporo de Los Angeles...

Governo federal zera imposto de importação de pneus de caminhão

O Comitê Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior (Camex), do Ministério da Economia, decidiu...

Leitura Obrigatoria

- Advertisement -
- Advertisement -

Você também pode gostar dissoRelacionado
Recomendado para você