O novo aplicativo de Kaiber ajuda artistas a criar videoclipes usando ferramentas generativas de IA

Paulo Boaventura
26 Views
8 Min Read

Kaiber , o estúdio criativo de IA por trás dos videoclipes dos artistas populares Kid Cudi e Linkin Park, anunciou hoje o lançamento de seu novo aplicativo móvel para oferecer aos criadores, músicos e artistas uma variedade de ferramentas de IA, incluindo texto para vídeo, imagem -para vídeo e vídeo para vídeo.

Fundada em 2022, Kaiber aproveita vários projetos de código aberto como AnimatedDiff, Automatic1111, ControlNet e Deforum, entre outros. Ele também apregoa uma camada proprietária de tecnologia para fundir tudo em uma ferramenta artística.

Como outros geradores de vídeo de IA ( Runway , Make-A-Video da Meta e Imagen Video do Google), o Kaiber permite aos usuários fazer upload de imagens/vídeos ou digitar suas próprias ideias para gerar conteúdo animado.

Kaiber oferece dois tipos de estilo de animação – “Flipbook”, um efeito quadro a quadro, ou “Motion”, um estilo fluido onde o conteúdo transita suavemente entre os quadros. Os usuários podem descrever a aparência do vídeo ou selecionar entre os assuntos e estilos pré-sugeridos por Kaiber.

Kaiber permite que os usuários personalizem o movimento da câmera, se desejam que a animação aumente/diminua o zoom, gire no sentido horário ou anti-horário ou mova para cima, para baixo, para a esquerda ou para a direita. Existem também diferentes proporções, dependendo da plataforma em que o criador deseja enviar o vídeo. Por exemplo, 16:9 para YouTube, 9:16 para TikTok e 1:1, 3:4 ou 4:3 para Instagram. A duração de vídeo mais longa permitida é de oito minutos, mas a empresa planeja oferecer suporte a vídeos mais longos no futuro. Os vídeos levam 30 minutos para serem gerados.

Créditos da imagem: Kaiber

Além disso, os usuários podem adicionar suas próprias músicas, tornando o aplicativo uma alternativa acessível para artistas independentes que não querem pagar centenas de milhares de dólares a um estúdio de animação por apenas um vídeo. Além disso, o Kaiber inclui um recurso de reatividade de áudio, o que significa que a saída responde a qualquer áudio que o usuário enviar.

“Nosso aplicativo móvel traz os principais recursos do Kaiber – como texto para vídeo, imagem para vídeo e vídeo para vídeo – em um formato compacto e fácil de usar”, disse o cofundador e CEO Victor Wang ao TechCrunch.

Wang acrescentou: “Embora algumas ferramentas avançadas, como storyboards abrangentes e modelos específicos de texto para vídeo, permaneçam exclusivas da web, os clientes devem esperar paridade de recursos muito em breve”.

Junto com o lançamento do aplicativo, Kaiber fez parceria com três artistas independentes para lançar o recurso “Criar com”, exclusivo para a experiência móvel. Os usuários podem criar conteúdo usando música e estilos generativos de IA adequados a cada artista.

Notavelmente, um artista é o cofundador e CTO da empresa – Eric Gao, cujo nome artístico é Oksami. Ele tem mais de 53.000 ouvintes no Spotify e quase 58.000 assinantes no YouTube . Os usuários podem experimentar quatro de suas músicas mais populares, incluindo Midnight Diner, que tem mais de 1 milhão de streams no Spotify. Os outros dois artistas apresentados no aplicativo são Yung Bae e August Kamp .

Em relação aos direitos comerciais, os criadores que pagam por uma conta são proprietários dos vídeos que fazem. Os usuários com contas gratuitas obtêm uma Licença Commons Noncommercial 4.0 Attribution International License , o que significa que eles têm permissão para usar o conteúdo, mas não podem vendê-lo. Os vídeos feitos com uma conta gratuita virão com a marca d'água do logotipo Kaiber.

Kaiber também oferece um programa de afiliados, que permite aos criadores ganhar uma comissão de 10% sobre indicações de assinaturas. Os afiliados continuam a ganhar comissão enquanto o cliente indicado permanecer assinante.

O aplicativo de Kaiber está disponível em dispositivos iOS e Android. Existem três níveis de assinatura: Explorer (US$ 5/mês por 300 créditos), Pro (US$ 15/mês por 1.000 créditos) e Artista (US$ 30/mês por 2.500 créditos). Um crédito equivale a um vídeo de um segundo. No entanto, o custo do crédito também varia dependendo do recurso que está sendo usado. Há também um teste gratuito de sete dias que vem com 100 créditos.

“Nossa tese principal é que o processo criativo é difícil”, disse-nos o cofundador e chefe de criação Jacky Lu. “Mas o processo criativo tem denominadores comuns em todas as modalidades, como música, vídeo, imagens e outras formas de arte – os humanos fazem coisas em padrões semelhantes. E para fazer a melhor arte, precisamos de ferramentas intuitivas e simples e da capacidade de nos inspirarmos em outras pessoas. Agora, com a geração AI, podemos fazer arte com outras pessoas e com máquinas.”

Kaiber saiu da versão beta em maio passado com mais de 2 milhões de usuários. Agora, a empresa anuncia mais de 5 milhões de inscrições. Os vídeos com letras de IA de Kid Cudi e o videoclipe de IA do Linkin Park ajudaram a colocar o nome de Kaiber no mapa, junto com uma tendência viral do TikTok chamada “Astral Jump”. A oferta de tecnologia de estúdio da empresa – Kaiber Studios – apoiou mais de 2 milhões de artistas com áudio e vídeo generativos, incluindo Grimes , Wu-Tang Clan , Money Man , Don Diablo e Mike Shinoda .

Kaiber é totalmente inicializado. Nos primeiros meses de lançamento, a empresa reportou sete dígitos em receita bruta.

Wang e Gao são melhores amigos de infância cujas mães imigraram juntas de Xangai para a América. Eles iniciaram sua primeira startup, Secret Garden , em fevereiro de 2022 como uma resposta à mania do web3 NFT. A primeira venda da empresa arrecadou US$ 1,2 milhão, lucrando cerca de US$ 300 mil, o suficiente para impulsionar o negócio. Infelizmente, porém, a queda da FTX destruiu os fundos do Secret Garden, e eles não tiveram escolha a não ser desistir.

“A queda do FTX.us testou nossa resiliência, mas nossa determinação só ficou mais forte, levando ao nascimento de Kaiber das cinzas do Jardim Secreto”, disse Wang. “É uma narrativa de superação de adversidades, alimentada pela paixão e por uma crença inabalável no poder transformador da IA na música e nas artes visuais.”

Por techcrunch
Tradução por Paulo Boaventura

Share This Article
Leave a review

Leave a review

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *