EarnBetter aplica IA generativa para escrever currículos e cartas de apresentação

Paulo Boaventura
24 Views
7 Min Read

A IA tornará os currículos e cartas de apresentação ainda menos úteis do que eram antes? Bem possível.

Caso em questão, EarnBetter , uma startup fundada por ex-funcionários do Credit Karma, está desenvolvendo uma plataforma que permite aos usuários fazer upload de um currículo ou carta de apresentação existente e reformatar a IA e reescrevê-lo para uma lista de empregos específica. O cofundador e CEO Tuck Hauptfuhrer apresenta o EarnBetter, que atualmente é de uso gratuito, como uma forma de “nivelar o campo de atuação para quem procura emprego”.

“Sempre acreditamos fortemente que os candidatos a emprego precisam de mais apoio, não de outra despesa”, disse Hauptfuhrer ao TechCrunch em entrevista por e-mail. “E você não precisa ter conhecimento de tecnologia para usar o assistente de busca de empregos de IA. Por exemplo, não há um fluxo de integração longo ou complexo ou um pré-requisito de saber como ativar a IA. Para obter um novo currículo, basta fazer upload do seu currículo existente e o EarnBetter irá reformatá-lo e reescrevê-lo em minutos.”

EarnBetter também fornece uma ferramenta de busca de emprego e um conjunto de edição para cartas de apresentação e currículos que destaca automaticamente habilidades e experiências potencialmente relevantes para as funções disponíveis. Os usuários podem salvar vagas para mais tarde, indicar uma função que não é de seu interesse ou enviar um formulário de emprego através do EarnBetter.

EarnBetter ganha dinheiro cobrando dos empregadores quando as pessoas encontram e enviam pedidos de emprego por meio da plataforma. Hauptfuhrer afirma que as pessoas criaram mais de 100.000 currículos e cartas de apresentação durante o período beta do EarnBetter.

“O mercado de busca de emprego é grande. Os quadros de empregos tradicionais, as empresas de recrutamento e outros estão todos competindo para ajudar as pessoas a encontrar trabalho e os empregadores a contratar talentos”, disse ele. “A EarnBetter está exclusivamente focada em apoiar quem procura emprego, aproveitando a IA generativa para entregar um produto que é gratuito, rápido e fácil de usar.”

Ganhe melhor

Créditos da imagem: Ganhe melhor

Mas e aquelas pobres almas que passam anos elaborando e refinando seus currículos e rascunhos de cartas de apresentação? Bem, em breve eles poderão estar em minoria. De acordo com uma pesquisa recente do Resume Builder, quase metade dos candidatos atuais e recentes a emprego usavam o chatbot com tecnologia de IA da OpenAI, ChatGPT , para escrever seus currículos ou cartas de apresentação.

Mesmo antes do advento da IA geradora de candidaturas a empregos, os candidatos que escreviam cartas e currículos do zero podiam estar atrasados.

Apenas cerca de 2% dos milhões de listagens na plataforma de procura de emprego Even mencionaram uma carta de apresentação em março de 2023, de acordo com a Vox. E muitos gerentes de contratação relatam não ler realmente as cartas de apresentação – apenas verificando se elas estão incluídas se uma listagem solicitar isso. Nos raros casos em que os gerentes de contratação analisam currículos e cartas de apresentação, eles não estão necessariamente fixados neles – um estudo descobriu que os recrutadores gastam em média seis segundos em uma carta de apresentação.

Seja como for, pode-se argumentar que ferramentas alimentadas por IA, como o EarnBetter, dão àqueles que têm acesso a elas – o que não é todo mundo – uma vantagem injusta na procura de emprego, pelo menos no sentido de que economizam tempo em inscrições que exigem currículos e cartas de apresentação.

Hauptfuhrer não vê as coisas dessa forma, no entanto – e argumenta que EarnBetter fornece um serviço aos empregadores , bem como aos candidatos a emprego, não apenas combinando-os com os candidatos, mas garantindo que os currículos e cartas de apresentação sejam “escritos profissionalmente, formatados de forma limpa e adaptados para [ cada] posição” (embora “escrito profissionalmente” esteja nos olhos de quem vê , eu afirmo fortemente).

“Desta forma, estamos ajudando os empregadores a avaliar inicialmente os candidatos com base na relevância de suas habilidades e experiências, em oposição à sua capacidade de formatar um currículo”, disse Hauptfuhrer. “O assistente de busca de emprego com IA da EarnBetter também pode ajudar a identificar funções para as quais um candidato pode se qualificar além do que está procurando. Ao fazer isso, EarnBetter pode ajudar a ampliar a abertura da pesquisa de alguém e expandir o conjunto de talentos para os empregadores.”

Em qualquer caso, os VCs evidentemente veem uma promessa no modelo de negócios da EarnBetter. Andreessen Horowitz, Abstract Ventures e o fundador da Figma, Dylan Field, estão entre os investidores na rodada inicial de US$ 4,5 milhões da startup, cujos rendimentos, segundo Hauptfuhrer, serão aplicados na expansão da equipe de oito pessoas da EarnBetter e na construção de novos produtos e serviços baseados em IA.

“A EarnBetter é uma empresa nativa de IA e estamos obcecados em pensar em como os avanços na IA podem beneficiar quem procura emprego”, disse Hauptfuhrer. “A IA generativa é excepcionalmente poderosa. Ao projetar um produto que seja gratuito, rápido e fácil de usar, aspiramos tornar o poder da IA acessível a todos os que procuram emprego.”

Por techcrunch
Tradução por Paulo Boaventura

Share This Article
Leave a review

Leave a review

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *